A REFORMA DA CASA DIENSTMANN (1913)

Compartilhe

 

A Casa Dienstmann – 1913/2018 – Primeira parte.

Estamos em fase final da reforma desta antiga casa de comércio na cidade de Taquara, Rio Grande do Sul, Brasil.

A pesquisa aponta que a sua construção iniciou em 1913 se prolongando até 1923. Estou reformando esta casa desde Outubro/2017. E me apaixonei por ela! Este post vai mostrar algumas das etapas da reforma e restauração de detalhes arquitetônicos.

A Casa Dienstmann vai contar (ela mesma) para você sobre o desenvolvimento desta reforma, sobre as pessoas que ali trabalham e sobre o impacto visual que ela pretende causar nesta pequena e querida cidade de Taquara. Renovada, restaurada, revigorada e pronta para abrir as suas portas até Outubro deste ano.

Eu me encontrava fechada e sem vida. Parte de mim já havia desmoronado, pois estava sem cuidado algum e me sentia sozinha… E veja bem, já estou com 105 anos! Assim como tudo e como todos, necessitava de manutenção, restauração e reforma geral. Pois bem…Alguém assumiu essa conta e outro alguém tomou conta de mim. Estou me sentindo jovem outra vez, esperando pelos detalhes finais para me tornar uma residência em meu andar superior, uma loja de comércio no térreo (honrando a utilização original) e um café e bistrô (talvez) no subsolo. O meu pátio está pronto e apto para receber alguns automóveis, bicicletas, e quem sabe outros serviços para modernizar a utilização deste espaço aberto. A orientação solar, a ventilação natural e a vegetação existente permitem que eu me sinta fresca, iluminada e com enorme potencial para receber clientes que procuram tardes perfumadas em meu jardim. Proponho uma volta ao tempo, que a tarde se prolongue, que o anoitecer possa ser apreciado sem pressa mas que tenha wifi, iluminação charmosa e música para os meus futuros usuários, afinal eu me modernizei!

Abaixo, separei várias fotos de como eu estava em Outubro de 2017 até uma profissional de Arquitetura ser chamada assumindo esta responsabilidade de me trazer de volta à ativa. Hoje somos grandes amigas! Eu me atrevo a dizer que sentirei saudades da nossa rotina diária, faça chuva ou faça sol. Até porque todos trabalharam assim, inclusive em alguns domingos!

Iniciei o meu trabalho de Arquitetura algum tempo depois de iniciadas as primeiras restaurações estruturais. O telhado já havia sido refeito e uma estrutura interna de reforço para toda a casa havia sido executada em metal. Parte das esquadrias originais, apodrecidas, já haviam sido removidas. (Arq e Urb Ana Lore Miranda).

Abaixo algumas imagens para contar minha restauração/reforma:

Esta é a porta principal da residência, vista internamente.
Criaram uma estrutura metálica para receber o novo telhado. Esquadrias originais serviram como referência para fabricação de novas.
Na fachada principal várias restaurações de adornos foram iniciadas. Estamos todos à espera do desligamento da rede de energia pública para darmos continuidade ao trabalho com segurança.
Este é um dos oitões laterais,  com a porta de entrada do segundo andar, destinado a ser um apartamento.
Recuperação de paredes externas e novas esquadrias em madeira nobre.
Espaço interno do apartamento em obras no segundo andar, com acesso pela rua Tristão Monteiro.
Vista aérea da finalização de pintura externa e pavimentação do pátio interno.
Foram feitas algumas réplicas dos balaústres da fachada principal. Muitos estavam comprometidos. Usaram técnica construtiva de época!
Uma coleção nova de balaústres está guardada no sub-solo enquanto a pavimentação do patio é feita. Os muros internos não serão rebocados, serão plantadas heras para cobertura verde futura.
No sub-solo o poço de água foi reativado e reconstruído. Hoje já podemos bombear a água para a rega do jardim. Estaremos fazendo teste de potabilidade em breve, para sabermos se é possível aproveitar um pouco mais a água fresca do poço.

No próximo post continuaremos mostrando mais imagens, outras etapas da minha restauração , novas utilizações de espaços, revestimentos e jardim.

E vou continuar contando minha história!

Grande abraço!

Casa Dienstmann

 

One Response

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para o topo